As pessoas que não sentem dor

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

1489957900946.jpeg

📷: Thomas Deenrick, microscopia eletrônica de um nervo com os axônios, dentre eles de neurônios de dor, e bainha de mielina em lilás e a artéria que o irriga em vermelho.

         Você sabia que existem pessoas que não sentem dor?! 😱

       Esse post vai especialmente pros queridos das turmas de Fisioterapia da Anhanguera Osasco que aprenderam sobre dor essa semana. E meu aluno Jair Lemos obrigada pela sugestão! Me aguarde turma do Campo Limpo com a aula sobre dor na quarta!

Há 5 casos registrados no Brasil e 50 no mundo. Casos como uma menina alemã que roeu os próprios dedos, uma garota americana que não sentia dor e acabou perdendo o olho direito por esfregá-lo com muita força e um menino que desafiado pelos colegas da escola pulou da ponte e teve uma série de fraturas graves.
O caso mais impressionante é de uma brasileira que por não sentir dor dormiu durante o parto. Em uma série médica há o relato de uma menina que chegou ao pronto socorro depois de grampear um corte no braço porque estava incomodada por ver ele sangrando 😱😱😱

        Esses casos são de Analgesia Congênita que é genética e altera canais nos neurônios que sentem a dor e enviam os sinais para o Sistema Nervoso Central.

          Você deve estar pensando que bom não sentir dor evita transtornos, eu seria tão feliz. Mas não é bem assim! A dor nos protege de lesões mais graves, é um alerta. Quando sentimos dor protegemos o local do contato com o causador da dor. 80% das pessoas que procuram atendimento médico são por dor. Não sentir dor é perigoso e coloca a vida em risco. A maioria das pessoas que não sentem dor não vive mais que a puberdade, porque como não sentem dor e não protegem seu corpo de lesões 🙁. Então, sentir dor física e mental é importante para o nosso desenvolvimento.

Para saber mais:

Minde, J. Norrbottnian congenital insensitivity to pain. Tese de Doutorado. 2006

Ogden TE, Robert F, Carmichael EA. Some sensory syndromes in children: indifference to pain and sensory neuropathy. J Neurol Neurosurg Psychiatry, v. 22, p. 267-76, 1959

Chen YC, et al. Transcriptional regulator PRDM12 is essential for human pain perception. Nat Genet. v. 47(7), p. 803-8, 2015.

Cox JJ, Reimann F, Nicholas AK, Thornton G, Roberts E, Springell K, Karbani G, Jafri H, Mannan J, Raashid Y, Al-Gazali L, Hamamy H, Valente EM, Gorman S, Williams R, McHale DP, Wood JN, Gribble FM, Woods CG. An SCN9A channelopathy causes congenital inability to experience pain. Nature. v. 444(7121), p. 894-8, 2006.

Manfredi M, Bini G, Cruccu G, Accornero N, Berardelli A, Medolago L. Congenital absence of pain. Arch Neurol. v. 38(8), p. 507-11, 1981.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s