Treino de andar para trás melhora equilíbrio e marcha após AVC agudo, mostra novo estudo

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

 

AVC.jpg

Bomba da Neurociência 🔥🔥🔥💣💣💣 Essa vai especialmente para os controle motor lovers 💪🏼Neurolover, você alguma vez já fez um treino com seu paciente de andar para trás? 🚶🏻‍♀️🚶🏽➡️😱

➡️ Esse artigo é importante porque equilíbrio e dificuldade na marcha são as principais queixas dos pacientes pós-AVC e ele mostra um treino inovador na Fisioterapia ⚡️💚🐍💚⚡️

➡️ Estatísticas mostram que a maioria das pessoas que sofrem AVC não recupera uma marcha em ambiente externo. E o risco de quedas é aumentado pela perda de equilíbrio.

➡️ O sistema nervoso precisa de desafios e novidades para reaprender os movimentos que perdeu após uma lesão 💀Neuroplasticidade lovers  Andar para trás não é um movimento tão funcional, ou seja, não o utilizamos sempre no dia a dia. Mas, podemos o andar para trás parece como uma variação da tarefa de andar, um desafio para o controle motor porque é mais difícil que andar para frente.

➡️ Diversos estudos e diretrizes mostram que é fundamental o desafio, o novo para recuperar o movimento pós-lesão neurológica.

➡️ Esse estudo piloto, publicado na semana passada por Fisioterapeutas Neurocientistas da Universidade da Flórida, é uma evidência científica inicial de uma maneira diferente de treinar marcha e equilíbrio

➡️ 8 pacientes, uma semana pós-AVC, receberam 8 sessões, de 30 minutos cada uma, com treino andando para trás. Outro grupo fez treino de andar para frente. Ambos receberam também atendimento convencional da Fisioterapia Neurofuncional ⚡️💚🐍💚⚡️💪🏼

➡️ Os que fizeram o treino de andar para trás tinham no final do estudo a marcha para frente duas vezes mais rápida e melhor equilíbrio do que os que treinaram andar para frente

➡️ Podemos analisar que quem tem melhor equilíbrio apresenta maior velocidade de marcha. Esse é um teste clássico muito utilizado na Fisioterapia.

➡️ Interessante que esses resultados foram um mês depois do fim das sessões. Mostrando que o aprendizado motor que se manteve.

⚠️ Ao fazer esse treino com o seu paciente tenha o cuidado de haver dois fisioterapeutas. No artigo há fotos do melhor posicionamento.

O que achou, neurolover?!

Para ler o artigo original acesse:

Rose DK, DeMark L, Fox EJ, Clark DJ, Wludyka P. A Backward Walking Training Program to Improve Balance and Mobility in Acute Stroke: A Pilot Randomized Controlled Trial.  J Neurol Phys Ther., n.42(1), p. 12-21, 2018.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s