Descoberto teste simples de caminhada para diagnosticar causa da demência, em novo estudo

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

 

teste

 

Bomba da Neurociência 🔥🔥🔥💣💣💣 😱😍🚶🏻‍♀️🚶🏽♥️ O teste pode ser feito em qualquer local e não requer aparelhos
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Esse post vai especialmente para os nossos queridos neurocientistas que estudam demência e hidrocefalia de pressão normal, neurologistas que fazem diagnóstico das doenças e fisios, fonos, tos e neuropsicólogos que atendem esses pacientes 💚⚡️🐍⚡️👊🤝
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ O diagnóstico da causa da demência é difícil porque os sintomas iniciais podem ser confundidos com outras doenças. E os tratamentos são diferentes para cada causa 💀🤔
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ A hidrocefalia de pressão normal tem três sintomas clássicos: demência, incontinência urinária e dificuldade de andar.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Uma neurocirurgia em que é colocado um cateter que desvia o líquido cefalorraquidiano pode curar muitos pacientes. O grupo de pesquisa do @drfernandoneuro é um dos que a realiza 👨🏻‍⚕️🏥🙌🏼👏🏼👏🏼👏🏼
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Neurocientistas publicaram um artigo sexta na revista Neurology, uma das melhores da área, em que testaram e padronizaram esse novo teste 💀👏🏼👏🏼👏🏼
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ A primeira etapa do teste é andar por 9 metros. A segunda etapa é uma dupla tarefa motora: andar por 9 metros carregando uma bandeja vazia. A terceira etapa é uma dupla-tarefa cognitiva: caminhar fazendo as contas: 100-7, 93-7, 86-7… até acabar o percurso 🚶🏻‍♀️🚶🏽👣👣💁🏽‍♂️💁🏻🔣🙇🏻‍♀️🙇🏻
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Pacientes com demência têm diminuição da velocidade de marcha. Os com demência por hidrocefalia aumentaram a velocidade
quando carregaram uma bandeja,
enquanto aqueles com outra causa de demência diminuíram.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Pacientes com demência por hidrocefalia diminuíram 16% na velocidade da marcha quando contavam e os pacientes com outra causa pioraram 34% 🔣
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀


🔎📝Para ler o artigo original acesse:

 

Selge C, Schoeberl F, Zwergal A, Nuebling G, Brandt T, Dieterich M, Schniepp R, Jahn K. Gait analysis in PSP and NPH: Dual-task conditions make the difference. Neurology, 2018

Anúncios

Pilates em uma superfície inclinada fortalece mais os músculos do tronco, revela novo estudo

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

Bomba da Neurociência 🔥🔥🔥💣💣💣😱😍

Neurolover, você já treinou Pilates em uma superfície inclinada?
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Há muitas alterações posturais, musculoesqueléticas e neurológicas em que um dos objetivos da Fisioterapia é fortalecer o tronco desses pacientes 💚⚡️🐍⚡️
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Fortalecer o tronco na Neurologia é importante porque melhora as atividades do dia-a-dia, o equilíbrio, a marcha e o movimento no membro superior e inferior do paciente 💁🏻🙅🏻🙋🏻🙆🏻💁🏽‍♂️🙅🏽‍♂️🙆🏽‍♂️🙋🏽‍♂️
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Fortalecer o tronco é importante na Ortopedia e desportiva porque melhora o desempenho no esporte, diminui o risco e recorrência de lesões🤸🏿‍♂️🤸🏻‍♀️⛹️⛹🏻‍♀️🏊🏻🏊🏽‍♀️ 🏃🏻‍♀️🏃🏿
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Existem estudos que mostram até que o fortalecimento de tronco melhora a recuperação das lesões nos membros inferiores 😱😍👏🏼👏🏼👏🏼

Leia também: Encontrados neurônios que contraem o abdominal e diminuem estresse

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ O cérebro gosta de novidade e desafio para aprender. Por isso, a dificuldade do exercício deve ser aumentada com o tempo de treinamento. Isso é fundamental para o aprendizado motor, fortalecer e aumentar a resistência muscular 💪🏼🙇🏻‍♀️🙇🏻 Se um exercício está muito fácil ou repetitivo os neurônios não formam novas sinapses.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ O fortalecimento do tronco é um benefício muito divulgado do Pilates e comprovado pelas evidências em todos os exercícios 💪🏼🤓📚
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ A superfície inclinada é bastante usada na musculação, mas ainda é novidade nos exercícios de Pilates 🏋🏻‍♀️🏋🏻

Leia também: Atividade física diminui 51% a chance de ter Alzheimer, mostram estudos
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Neurocientistas da Universidade do estado da Califórnia estudaram 15 mulheres entre 18 e 35 anos 👩🏾👱🏻‍♀️👩🏻
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Elas fizeram a prancha e o teaser, exercícios clássicos do Pilates, em uma plataforma inclinada com eletromiografia para medir a atividade muscular.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ A prancha inclinada com a cabeça mais baixa que os pés e o teaser com a cabeça mais alta que os pés contraíram mais o músculo oblíquo externo e o reta abdominal que a realizada em superfície plana.

prancha.png

teaserPrancha e teaser, dois exercícios clássicos do Pilates, em superfície inclinada. Fonte: Yates, et al., 2017

 


Para ler o artigo original acesse:

Yates AV, Donlin AA, Beneck GJ, Schick EE. The influence of surface angle on muscle activity during Pilates based exercises. J Bodyw Mov Ther. v. 22(1), j. 225-231, 2018.


⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Crescer em bairros verdes estimula o cérebro das crianças, descobre novo estudo

Bomba da Neurociência 🔥🔥🔥💣💣💣😱😍🌳🍃🌬
➡️ Quanto tempo faz que você não vai no parque? 🤔😵
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Pode ser que esses efeitos aconteçam também nas crianças com atraso do desenvolvimento neuropsicomotor. Se você conhece alguma criança com atraso mostre esse artigo para o fisioterapeuta dela. E se você é fisioterapeuta dê essa sugestão para o cuidador da criança 💚⚡️🐍⚡️💚
➡️ Leve seus filhos, sobrinhos, irmãos e amiguinhos para passear no parque 👶🏻👦🏻👧🏽💚🌳🌿🍃
➡️ Crianças que estudam e moram em bairros com espaços verdes tem maior área branca e cinzenta do cérebro, melhor memória e são mais atentas do que as que vivem em ambientes urbanos 🙇🏻‍♀️🙇🏻💜💙
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Esses efeitos trazem benefícios no comportamento que se mantém conforme a criança envelhece 😍🙏🏻🙌🏼
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Neurocientistas da Universidade da Califórnia em Los Angeles fizeram ressonância magnética em 2593 crianças do projeto BREATHE em Barcelona e testes de memória e atenção 👧🏽👦🏻
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Pode ser que a menor poluição do ar e ruído desses bairros verdes ajude no efeito benéfico do cérebro 🍃🌿🍃💚💀 ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Para ler os artigos originais acesse:

25 filmes de Neurociência para assistir e aprender

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

 

25 filmes

 

 Neurociência do Carnaval 🎉🎉🎉

87% dos neurolovers responderam na enquete que são do bloquinho do netflix. Então, segue a lista de filmes que indico para meus estimados alunos de Fisioterapia Neurofuncional assistirem ao longo do semestre 🎥 🖤💀🎞🎬
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Assistindo eles você não esquecerá os sintomas e causas das doenças neurológicas. Além disso, isso nos faz um terapeuta melhor porque trabalhamos também a empatia. Um ótimo profissional da saúde não é só inteligência intelectual, ele tem também muita inteligência emocional.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Free the mind – Antes de cuidar do paciente temos que cuidar de nós. Esse documentário ensina uma maneira comprovada pela ciência de cuidar da mente. Além de ter uma cena de crianças do maternal aprendendo Neuro que é a coisa mais linda ❤️
⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Prendimi l’anima ou Jornada da alma – Filme sobre a vida que Jung que aborda as transferências psicológicas entre terapeuta e paciente
⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Tempo de despertar – escrito pelo grande neurocientista Oliver Sacks
⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ O começo da vida – Neurociência do desenvolvimento ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Procurando Dory – Quem descobre qual a doença neurológica da Dory? 🤔😅😍
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Uma mente brilhante – Esquizofrenia ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Para sempre Alice – Alzheimer ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Intocáveis – lesão medular ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Ferrugem e osso – amputação ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Menina de ouro – surpresa ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Feliz Ano Velho – lesão medular ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ O escafandro e a borboleta – AVC
⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ A história de Luke – transtorno do espectro autista ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Óleo de Lorenzo – leicodistrofia, uma doença da bainha de mielina ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Nise, o coração da loucura – terapia ocupacional
⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ City Down – síndrome de down ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Extremis – neurointensivismo ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Extraordinário – síndrome de Treacher Collins com Julia Roberts ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Um momento pode mudar tudo – Esclerose lateral amiotrófica ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ A teoria de tudo – esclerose lateral amiotrófica

➡️ Mar adentro – trauma raquimedular ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Amor e outras drogas – Parkinson
⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ Mãos talentosas – neurocirurgia ⠀⠀⠀⠀⠀

➡️ Um homem entre gigantes – traumatismo cranioencefálico com Will Smith ⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀
➡️ The fundamentals of caring – distrofia muscular com Serena Gomez ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Se você tiver alguma outra sugestão neurolover me escreva nos comentários.

Até!

Treino de andar para trás melhora equilíbrio e marcha após AVC agudo, mostra novo estudo

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

 

AVC.jpg

Bomba da Neurociência 🔥🔥🔥💣💣💣 Essa vai especialmente para os controle motor lovers 💪🏼Neurolover, você alguma vez já fez um treino com seu paciente de andar para trás? 🚶🏻‍♀️🚶🏽➡️😱

➡️ Esse artigo é importante porque equilíbrio e dificuldade na marcha são as principais queixas dos pacientes pós-AVC e ele mostra um treino inovador na Fisioterapia ⚡️💚🐍💚⚡️

➡️ Estatísticas mostram que a maioria das pessoas que sofrem AVC não recupera uma marcha em ambiente externo. E o risco de quedas é aumentado pela perda de equilíbrio.

➡️ O sistema nervoso precisa de desafios e novidades para reaprender os movimentos que perdeu após uma lesão 💀Neuroplasticidade lovers  Andar para trás não é um movimento tão funcional, ou seja, não o utilizamos sempre no dia a dia. Mas, podemos o andar para trás parece como uma variação da tarefa de andar, um desafio para o controle motor porque é mais difícil que andar para frente.

➡️ Diversos estudos e diretrizes mostram que é fundamental o desafio, o novo para recuperar o movimento pós-lesão neurológica.

➡️ Esse estudo piloto, publicado na semana passada por Fisioterapeutas Neurocientistas da Universidade da Flórida, é uma evidência científica inicial de uma maneira diferente de treinar marcha e equilíbrio

➡️ 8 pacientes, uma semana pós-AVC, receberam 8 sessões, de 30 minutos cada uma, com treino andando para trás. Outro grupo fez treino de andar para frente. Ambos receberam também atendimento convencional da Fisioterapia Neurofuncional ⚡️💚🐍💚⚡️💪🏼

➡️ Os que fizeram o treino de andar para trás tinham no final do estudo a marcha para frente duas vezes mais rápida e melhor equilíbrio do que os que treinaram andar para frente

➡️ Podemos analisar que quem tem melhor equilíbrio apresenta maior velocidade de marcha. Esse é um teste clássico muito utilizado na Fisioterapia.

➡️ Interessante que esses resultados foram um mês depois do fim das sessões. Mostrando que o aprendizado motor que se manteve.

⚠️ Ao fazer esse treino com o seu paciente tenha o cuidado de haver dois fisioterapeutas. No artigo há fotos do melhor posicionamento.

O que achou, neurolover?!

Para ler o artigo original acesse:

Rose DK, DeMark L, Fox EJ, Clark DJ, Wludyka P. A Backward Walking Training Program to Improve Balance and Mobility in Acute Stroke: A Pilot Randomized Controlled Trial.  J Neurol Phys Ther., n.42(1), p. 12-21, 2018.

Comer salada verde todo dia pode deixar seu cérebro 11 anos mais jovem, revela novo estudo

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

salada

 

Bomba da Neurociência 🔥🔥🔥💣💣💣Neurolover, você comeu sua salada verde hoje no almoço de domingo? 🥗💚💀

➡️ Esse estudo é importante porque o número de pessoas com demência, dentre elas o Alzheimer, está crescendo em ritmo alarmante 👴🏻👵🏽📈😔

➡️ Adicionar uma salada de folhas verdes e praticar exercícios regularmente pode ser a maneira mais simples de deixar seu cérebro saudável 🥗🚶🏽🚶🏻‍♀️🏃🏿🏃🏻‍♀️💃🏻🕺🏻🏋🏻‍♀️💚💀

➡️ Neurocientistas da Universidade de Rush em Chicago descobriram que idosos que
comiam todos os dias salada de folhas verdes tinha a memória e habilidades cognitivas mais preservados

➡️ Coma o equivalente a 100 g de espinafre cozido, couve, repolho ou brotos ou 200g de salada de alface ricos em piloquinona, luteina, nitrato, folato, alfa-tocoferol e caempeferol foram os compostos bioativos relacionados com os resultados 🍃🌿🍀

➡️ Eles analisaram muitos dados de hábitos de 960 pessoas entre 58 e 99 anos durante 9 anos para chegar a essa conclusão

➡️ Esse artigo foi publicado semana passada na revista científica Neurology a mais lida e citada em Neurologia.

➡️ Fiquei curiosa para saber os resultados em mais jovens e grupos com doenças específicas.

➡️ Outros estudos com muitas pessoas e publicados em revistas científicas renomadas estão mostrando todos os benefícios que uma alimentação pode fazer no cérebro e até mesmo prevenir ou tratar diversas doenças neurológicas

➡️ A Fisioterapia trata, mas também é nosso dever como fisioterapeutas encaminhar nossos pacientes neurológicos ou aqueles que têm fatores risco para um nutricionista, um educador físico e orientar nossos pacientes idosos sobre a importância da atividade física. Fisioterapia também é prevenção ⚡️💚🐍⚡️

➡️ Esse post foi atendendo a pedidos de vocês, neurolovers, sobre a palestra que dei na Olimpíada de Neurociências: o que o Alimentação faz no nosso cérebro 😍❤️ E em especial para meus alunos do curso de Nutrição ❤❤❤

Para ler o artigo original acesse:

Morris MC, Wang Y, Barnes LL, Bennett DA, Dawson-Hughes B, Booth SL. Nutrients and bioactives in green leafy vegetables and cognitive decline: Prospective study. Neurology, v.16;90(3), 2018.

Treino locomotor pós-lesão medular melhora função urinária e intestinal, mostra novo estudo

Siga o TUDO SOBRE CONTROLE NEURAL no facebookno instagram e no twitter

 

Por Laiali Chaar

 

treino locomotor

Bomba da Neurociência 🔥🔥🔥💣💣💣😱

➡️ Neurolover, esse estudo é importante porque na lesão medular grave, a perda da função urogenital e do intestino interfere mais na qualidade de vida do que a perda de movimento? 😱

➡️ Antes desse artigo o tratamento indicado era cirurgia, sonda vesical, medicação e estimulação elétrica periférica 💉💊⚡️ Todas essas intervenções têm efeitos colaterais e não apresentavam melhora em todos os pacientes 😕

➡️ Há alguns anos que o treino locomotor, também chamado de treinamento baseado em atividade, é utilizado pela Fisioterapia ⚡️🐍💚⚡️ Ele mostra benefícios na nossa prática clínica e diversos artigos, revisões sistemáticas e guidelines comprovaram que ele é fundamental para melhora da função motora 🚶🏻‍♀️🚶🏽

➡️ Mas, ontem foi publicada essa novidade que mostra benefícios além do movimento. Neurocientistas da Universidade de Louisville publicaram esse estudo piloto que sugere que o treino locomotor causou:


➡️ Aumento na capacidade da bexiga, eficiência da micção,
➡️ Diminuição da frequência de perda de urina noturna e incontinência urinária
➡️ Melhora do funcionamento do intestino e 

➡️Aumento do desejo sexual.

➡️ Alguns pacientes já relatavam isso durante o tratamento da Fisioterapia, mas essa é uma das primeiras evidências científicas que mostraram isso 😍❤️👏🏼

➡️ 8 pacientes com lesão medular crônica variando de C4 até T5 fizeram treino locomotor em esteira com suporte de peso e descarga de peso em pé. Foi feita facilitação manual de um fisioterapeuta em cada membro inferior e outro dando suporte para a pelve e quadril do paciente 👩🏻‍⚕️👨🏽‍⚕️👩🏼‍⚕️

➡️ O treino foi realizado 1 hora por dia durante 80 dias e esses pacientes comparados antes e depois e com outro grupo de pacientes que receberam cuidados habituais regulares em casa 🚶🏽🚶🏻‍♀️

➡️ E você, neurolover? Faz treino locomotor com algum paciente? Ele apresentou melhora da função urinária e intestinal? Me conte 

Para ler o artigo completo acesse:

Hubscher CH, Herrity AN, Williams CS, Montgomery LR, Willhite AM, Angeli CA, Harkema SJ. Improvements in bladder, bowel and sexual outcomes following task-specific locomotor trainingin human spinal cord injury. PLoS One. v. 31;13(1), 2018.